domingo, 5 de abril de 2009

Feira da Matrix

E eu fui à Reatech ontem.

Parecia um parque de diversões. Haja cadeiras de rodas, perdi a conta quantas eu vi, de tudo quanto era jeito, para todos os gostos e necessidades. Motorizadas, esportivas, normais, entre outras.

Claro que não tinha só cadeira de rodas, todos os matrixianos estavam muito bem servidos, o povo que não enxerga, que não ouve, que tem dificuldades para se locomover.

Eu passei muito tempo sem ter contato com pessoas que têm deficiência auditiva, aí toda vez que me encontro com eles conversando por linguagens de sinais (libras) eu sempre fico os observando e admirado com forma deles se comunicarem. Eles podem xingar, falar palavrão, que quem não sabe interpretar a linguagem de sinais, assim como eu, não entende nada.

Lá, finalmente, conheci pessoas que até então, só conhecia pela internet. O Chuck Norris, ops, o Evandro, com sua barba que impõe respeito (cara, suas camisetas são muito boas, mas são carinhas, hein?). A Cybelly, a fisioterapeuta. O Billy Saga, com seus dreads inconfundíveis, o idealizador do Movimento SuperAção que me lembra muito o meu amigo Fernando Banzi (rs).

Também tive oprtunidade de conhecer o belo sorriso e a personalidade forte da Tabata e quando eu já estava para ir embora, encontrei o cara que me deu coragem para dar um "upgrade" neste blog, o pai da Matrix, Jairo Marques da Costa. A conversa foi rápida para dois jornalistas, mas foi uma grande satisfação trocar aquela ideia com o companheiro de profissão, de cadeira de rodas e de tamanho de nariz.

Alguns amigos já conhecidos daqui de São José "pegaram" a Dutra e a gente foi se encontrar na Imigrantes. Logo que cheguei à feira, esbarrei na Joara, que mesmo morando na mesma rua que eu, fazia muito tempo que não a via, ela estava com suas colegas do curso de fisioterapia da Univap. O Rodrigo Almeida, o futuro cadeirante jornalista, amigo desde a "Santa Ceia".

Como o post já está meio longo e não estou muito bom para escrever hoje, vou deixar o restante dos assuntos que quero contar da Reatech para amanhã

4 Cornetadas:

Cybelle Varonos disse...

Lindo, adorei te conhecer...bjokas

EVANDRO disse...

Muito bom apelido de Chuck Norris!
Gostei muito de te conhecer tbm. Te desejo muito sucesso na nova empreitada.
Quanto as camisetas, estou espalhando a ideia da inclusão com desenhos originais, que infelizmente, teve um custo elevado para registrá-los e estampo em camisetas de qualidade (feitas para durarem). De que adiantaria vender para serem usadas apenas uma vez, como aquelas camisetas de campanhas eleitorais?
Conto com a sua compreensão.

Anônimo disse...

Opa! Aguardo novos posts sobre esta feira. Parabéns pelo blog, agóra esta carregando mais rápido.

Rodrigo Almeida disse...

Gostei do ´´amigo desde a Santa Ceia´´...rsrsrs...Gostei mto de ter te encontrado lá, Daniel. Abraços.

Postar um comentário | Feed



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License