terça-feira, 20 de maio de 2008

Tudo resolvido?

Na última terça-feira, um acordo entre o sindicato dos condutores e as empresas que venceram a licitação do transporte público joseense foi firmado para que 95% dos empregados das empresas que atuam na cidade.

Este acordo foi assinado no TRT (Tribunal Regional do Trabalho) em Campinas e teve a participação da Secretaria de Transporte, além de representantes das três empresas vencedoras e do sindicato da categoria.

Ao todo serão 1650 empregos garantidos e mais um banco de 90 pessoas.

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Transportes, o poder público acredita que este acordo garante maior tranqüilidade na transição do atual para o novo sistema.

Em tempo
A assessoria de imprensa da Secretaria de Transporte solicitou a este blog que retifique a informação publicada aqui, em 26 de abril, em relação aos novos passos a serem dados, caso a Trans1000 não deposite o valor até o dia 26 de maio e assim não assine o contrato.

De acordo com a assessoria, não há a possibilidade do lote da Trans1000 ser dividido entre as outras duas empresas vencedoras (Expresso Maringá e Julio Simões). Uma nova licitação deverá ser aberta, sem a participação de nenhuma das vencedoras dos demais lotes.

Tudo parece ir como a administração Cury quer, inclusive com uma pressa impressionante para se resolver antes das eleições.

Agora é esperar até a semana que vem para a Trans1000 pagar o que deve e assumir a sua parte no bolo e não dar dor de cabeça ao prefeito e pré-candidato.

0 Cornetadas:

Postar um comentário | Feed



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License